Ousadia e coragem para arriscar

out 25, 2020  |  por Gustavo Borges

Ousadia, ou o ato de ser ousado, é, por definição, fazer algo com coragem, arriscando e tendo um olhar para a inovação. São muitos os sinônimos para ousadia: intrepidez, audácia, valentia, inovação e coragem. Todos esses sinônimos, enfim, nos levam a fazer algo diferente e com foco no futuro. A ousadia começa cedo nas crianças quando elas fazem o desconhecido – ou “proibido”. Dessa maneira, elas vão em frente.

Sabe aquele frio na barriga? Aquela ideia que faz tempo que não tiramos do papel ou da gaveta? Pois é! Só com coragem que podemos seguir em frente. Ou seja, temos de lidar com os inimigos da ousadia para poder seguir os nossos sonhos.

Existem, inegavelmente, alguns inimigos da ousadia: cautela, medo, preguiça, fraqueza, falta de motivação, vitimização. Tudo isso nos atrapalha, nos deixa paralisados, sem forças para buscar o que realmente queremos. No artigo “O Poder da Ousadia”, o autor explora a característica de ser ousado, que é ser livre. Concordo plenamente com isso.

Ousadia x cautela

“Ousadia e cautela parecem opostos, mas a sabedoria consiste em saber usar as duas”

Zibia Gasparetto, escritora

O que seria uma “cautela ruim”? Aquela que está ligada ao impulso. Medo é algo que te leva para trás. Todavia, muitas vezes precisamos ter cautela para poder raciocinar e não tomar decisões por impulso.

A decisão por impulso quando estamos acuados, nervosos ou tensos, normalmente, é uma decisão equivocada ou com um forte viés para o fracasso. Dessa maneira, a sugestão seria parar para pensar, refletir e seguir adiante. Entretanto, é a cautela que leva ao medo e à paralisia. Precisamos ficar longe disso.

Tome uma decisão

Pessoas ousadas são decididas. Agem para buscar algo e inovar. Portanto, elas observam o mundo com prosperidade e abundância. Por outro lado, uma pessoa com medo se torna indecisa. Tudo é um problema e a escassez impera no pensamento dela.

A visão de prosperar amplia o olhar das pessoas. O excesso de cautela deixa isso restrito. Portanto, a forma de prosperar seria ousar, assumindo riscos para obter resultados maiores na vida. Além disso, essa visão ajuda na sua motivação e na sua produtividade em relação ao trabalho.

Assuma riscos

Assumir riscos faz parte da ousadia. Só não erra quem não arrisca ou quem não faz. O erro faz parte e termos de buscar o acerto e ter coragem, apesar do medo de errar, de não dar certo, do fracasso. Assim, geramos aprendizados espetaculares para as nossas vidas. Esse aprendizado nos leva mais longe, e fugimos do “mais do mesmo”, onde o status quo impera.

Quando ficamos na retranca das nossas ações, nos mantemos no estado atual – isso, no melhor cenário. Entretanto, regredir seria o caminho mais certo para pessoas que preferem não fazer nada arriscado.

“Se você fizer aquilo que sempre fez, sempre estará onde sempre esteve!”

Gregg Troy, meu técnico quando eu era nadador

Resultados da sua ousadia

Fica fácil, depois de levar em consideração esses pontos acima, que a pessoa ousada chega mais longe nos projetos. Ou seja, os resultados de alguém que tenha ousadia são surpreendentes. Mas aqueles que fazem sempre as mesmas coisas colhem resultados previsíveis e apáticos.

O momento certo, nós construímos!

Faça agora!
Ouse hoje!
Persista sempre!

Vamos em frente com o projeto desengavetamento. Tire aquele projeto, aquela ideia do papel, e coloque em prática. Está esperando o que para começar? O momento certo? Se o momento não for agora, ou seja, HOJE, então, releia o blog desde o início.

Prepara… Vai!

  • Copyright © 2019

  •    •